Doenças ocupacionais: Quais são, Como prevenir

As doenças ocupacionais são problemas ou desconfortos que ocorrem em alguns trabalhadores devido a alguma irregularidade no trabalho. Esses problemas podem ser leves ou mais graves, como câncer de pele. É preciso ter bastante atenção quanto aos sintomas porque a grande maioria das doenças aparecem de forma silenciosa ou podem ser confundidas com outros problemas mais simples.

Veja também:

Tanto o colaborador quanto o gestor devem estar atentos a essas doenças e para prevenir e alertar todos os envolvidos.

Principais doenças ocupacionais

Lesão por Esforços Repetitivos e Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho: Essa doença normalmente é confundida com uma simples torção muscular ou mau posicionamento, por isso, merece atenção. Ela acontece por movimentos repetitivos ou posturas erradas.

Antracose:Uma lesão pulmonar comum em trabalhadores que tem contato diário com fumaça do carvão, já que respiram muitos agentes e substâncias prejudiciais à saúde. Ela precisa de cuidados médicos especiais porque pode causar problemas mais graves.

Bissinose:Uma doença causada pela poeira das fibras do algodão, do linho ou do cânhamo. Também é um problema pulmonar e normalmente atinge quem trabalha na indústria de algodão.

Dermatose ocupacional:Algumas pessoas que tem alergias cutâneas crônicas a substâncias como graxa ou óleo mecânico.

Câncer de pele:O câncer de pele é perigoso e é um dos problemas mais comuns. É considerado uma doença ocupacional quando é causado pela exposição excessiva ao sol decorrente da função exercida.

Surdez temporária ou definitiva: No setor de construção, telemarketing ou qualquer outro que o colaborador esteja exposto a grandes ruídos, podem surgir problemas como a perda auditiva temporária ou definitiva. Ela pode até não parecer ser definitiva, mas merece cuidado porque esse problema pode ser silencioso.

Doenças ocupacionais

Siderose:Falta de ar desenvolvida através da inalação de partículas microscópicas de ferro. Normalmente ocorre com trabalhadores de minas de ferro.

Catarata:A catarata é considerada doença ocupacional quando o problema ocorre pela exposição constante a altas temperaturas no ambiente de trabalho.

Doenças psicossociais:As doenças ocupacionais podem ser psicológicas também. Alguns trabalhadores podem desenvolver problemas emocionais como depressão pela carga horária excessiva, pressão ou até mesmo problemas com os colegas.

Asma ocupacional:A asma é considerada ocupacional quando o trabalhador inala partículas comuns da construção civil ou que lidam com couro, algodão, madeira ou sílica. Os sintomas começam com uma tosse crônica, falta de ar e chiado no peito. Mas, em alguns casos podem até causar paradas respiratórias e câncer de pulmão.

Como se prevenir das doenças ocupacionais?

Para se prevenir, você precisa ter atenção se está sofrendo com algum sintoma ou desconforto físico e mental durante o trabalho. Se sim, procure o médico imediatamente, mesmo que o desconforto seja pequeno.

Dependendo da situação de cada colaborador, é possível fazer uma mudança de função e às vezes até de profissão.

Além disso, usar os equipamentos de segurança podem prevenir qualquer problema no trabalho na grande maioria das vezes.

Para as empresas, é importante sempre lembrar os colaboradores de se prevenirem dos acidentes e problemas ocupacionais. Coloque adesivos nos locais de trabalho, mande e-mails e conscientize sobre os riscos da profissão. Promover palestras e treinamentos também são de grande ajuda nessas horas.

Uma doença ocupacional não traz vantagem nenhuma para o colaborador ou para a empresa. Atrapalha o rendimento, prejudica a saúde e atrapalha também a produção dos outros funcionários. Por isso, fique atento se sua empresa está cumprindo as regras em relação aos equipamentos de prevenção e se você é um colaborador, siga as orientações necessárias para evitar problemas.

Doenças ocupacionais: Quais são, Como prevenir
Avalie esse artigo

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *